segunda-feira, 11 de junho de 2012

Vale a pena lutar

A BBC deu a conhecer a sua história. E resumo-a aqui pois pode ajudar outras pessoas neste tempo de crise.
A vida de Kalpana Saroj, uma executiva bem-sucedida e premiada, tem elementos que parecem saídos de um filme de Hollywood, com a superação de obstáculos até chegar a um final feliz.
Nascida numa baixa casta da Índia, Saroj foi vítima de bullying na escola, forçada a se casar aos 12 anos, maltratada no casamento e viu-se e desejou-se para conseguir deixar o marido que não escolhera.
O retorno de Saroj à sua aldeia natal foi visto como um fracasso pelos vizinhos. Para escapar da pressão social, ela focou suas energias em tentar obter um emprego e aprender a costurar.

Isso foi um ponto de viragem na sua vida. "Decidi que ia viver a minha vida e fazer algo grandioso."
Aos 16 anos, ela mudou-se para Mumbai e foi morar na casa de um tio, para trabalhar como alfaiate. Começou recebendo um dólar por mês para operar máquinas de costura industriais. Foi recebendo seu salário aos poucos, mas, quando ela percebeu que o dinheiro seria insuficiente para pagar um tratamento de saúde para sua irmã doente, descobriu que precisava de se lançar noutras coisas.
Tomou um empréstimo do governo e abriu um empreendimento no sector de móveis. Fazendo jornadas de trabalho de 16 horas diárias – hábito que mantém até hoje –, acabou conquistando admiração no mundo empresarial.
Mais tarde foi convidada a assumir o comando de uma empresa de produção de metais, Kamani Tubes, que estava fortemente endividada. Reestruturou-a e a Kamani Tubes é hoje uma empresa multimilionária, que emprega pessoas de diferentes castas.
E a pobre menina é agora uma senhora respeitada e invejada por muitos, graças à sua capacidade de dar a volta por cima.
Fonte: aqui

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.